A sustentação oral no CNAS

Por: Dr. Josenir Teixeira
01 Junho 2006 - 00h00
A Comissão de Direito do Terceiro Setor da OAB-SP requereu providências à Comissão de Direitos e Prerrogativas dos Advogados para alteração da resolução nº 123/02, expedida pelo Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS),
a fim de aumentar o tempo da sustentação oral naquele órgão para 15 minutos, que hoje é de 10, e suprimir o prazo de 3 dias úteis para o requerimento do pedido da sustentação oral, fixando-se o próprio dia da sessão como data limite para a inscrição.
O CNAS se reúne mensalmente para julgamento dos pedidos de registro, ocasião em que há a possibilidade de os procuradores das entidades, não necessariamente advogados, realizarem a sustentação oral. Acontece que, quando o procurador da entidade é advogado, a resolução fere o estatuto da advocacia, que prevê 15 minutos para a realização da sustentação oral.
Por analogia ao que acontece nos tribunais, em que o pedido de sustentação oral é feito alguns minutos antes do início da sessão de julgamento, a comissão requereu a revogação do prazo prévio para inscrição constante da resolução. A OAB-SP aguarda manifestação do CNAS sobre o assunto.
A Comissão de Direito do Terceiro Setor da OAB-SP foi constituída no final de 2004 e, desde então, vem atuando de forma contundente em prol da disseminação de conhecimento específico a entidades sem fins lucrativos e profissionais de diversas áreas, principalmente advogados. Está previsto para setembro próximo o lançamento da segunda cartilha da comissão, que vai tratar sobre Organização
Social (OS) e Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip).

Tudo o que você precisa saber sobre Terceiro setor a UM CLIQUE de distância!

Imagine como seria maravilhoso acessar uma infinidade de informações e capacitações - SUPER ATUALIZADAS - com TUDO - eu disse TUDO! - o que você precisa saber para melhorar a gestão da sua ONG?

Imaginou? Então... esse cenário já é realidade na Rede Filantropia. Aqui você encontra materiais sobre:

Contabilidade

(certificações, prestação de contas, atendimento às normas contábeis, dentre outros)

Legislação

(remuneração de dirigentes, imunidade tributária, revisão estatutária, dentre outros)

Captação de Recursos

(principais fontes, ferramentas possíveis, geração de renda própria, dentre outros)

Voluntariado

(Gestão de voluntários, programas de voluntariado empresarial, dentre outros)

Tecnologia

(Softwares de gestão, CRM, armazenamento em nuvem, captação de recursos via internet, redes sociais, dentre outros)

RH

(Legislação trabalhista, formas de contratação em ONGs etc.)

E muito mais! Pois é... a Rede Filantropia tem tudo isso pra você, no plano de adesão PRATA!

E COMO FUNCIONA?

Isso tudo fica disponível pra você nos seguintes formatos:

  • Mais de 100 horas de videoaulas exclusivas gratuitas (faça seu login e acesse quando quiser)
  • Todo o conteúdo da Revista Filantropia enviado no formato digital, e com acesso completo no site da Rede Filantropia
  • Conteúdo on-line sem limites de acesso no www.filantropia.ong
  • Acesso a ambiente exclusivo para download de e-books e outros materiais
  • Participação mensal e gratuita nos eventos Filantropia Responde, sessões virtuais de perguntas e respostas sobre temas de gestão
  • Listagem de editais atualizada diariamente
  • Descontos especiais no FIFE (Fórum Interamericano de Filantropia Estratégica) e em eventos parceiros (Festival ABCR e Congresso Brasileiro do Terceiro Setor)

Saiba mais e faça parte da principal rede do Terceiro Setor do Brasil:

Acesse: filantropia.ong/beneficios

PARCEIROS VER TODOS