Aposentadoria para pessoas com deficiência

Por: Instituto Filantropia
08 Janeiro 2014 - 19h27

Sancionada há seis meses pela presidente Dilma Rousseff, a Lei Complementar nº 142, de 8 de maio de 2013, que regulamenta a aposentadoria de pessoas com deficiência, entrou em vigor. O tempo de contribuição varia de acordo com o sexo e o grau de deficiência, avaliada por perícia do INSS. Para contribuintes com deficiência grave, a idade passa a ser de 25 anos (homens) e 20 anos (mulheres). Em casos de deficiência moderada, as idades sobem para 29 anos (homens) e 24 anos (mulheres). Para as deficiências leves, as idades mínimas são 33 anos (homens) e 28 anos (mulheres). Já as pessoas com restrição visual, mental, intelectual, auditiva ou físicas permanentes, que limitem a capacidade funcional e a atividade laboral, serão consideradas deficientes pela lei. Se o segurado se tornar deficiente depois de começar a contribuir ou tiver o grau de deficiência alterado, os parâmetros da aposentadoria serão ajustados, levando em consideração o número de anos em que houve atividade exercida sem deficiência.

 agenciabrasil.ebc.com.br

EDITAIS FILANTROPIA PLATAFORMA ÊXITOS
20.245
Oportunidades Cadastradas
9.597
Modelos de Documentos
3.592
Concedentes que Repassam Recursos
Prazo
31 Dez
2020
Patrocínios e Doações - Instituto Usiminas
Prazo
Matchfunding Enfrente o Corona
Prazo
31 Dez
2020
IberCultura Viva 2020
Prazo
30 Nov
2020
Stop Slavery Award 2021
Prazo
Patrocínio BS2
Prazo
Paranapanema - Doações e Patrocínios
Prazo
Aceleradora P&G Social
Prazo
20 Set
2020
Edital de Patrocínio - Banco da Amazônia
Prazo
2 Out
2020
Arte em Toda Parte
Prazo
20 Set
2020
Prêmio 99 de Jornalismo

PARCEIROS VER TODOS