CNPJ inapto III

Por: Revista Filantropia
01 Novembro 2006 - 00h00
Como toda regra, há exceções. É o que acontece nos casos em que o terceiro interessado, adquirente de bens, direitos e mercadorias, ou o tomador de serviços, deve comprovar o pagamento do preço respectivo e o recebimento dos bens, direitos ou mercadorias ou a utilização dos serviços. Caso contrário, a entidade terá de recolher 35% de Imposto de Renda na Fonte,  calculado sobre o valor pago constante dos documentos.

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book Como começar uma⠀ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

BAIXE GRATUITAMENTE
E-book 18 PASSOS essenciais para ajudar sua ONG

BAIXE GRATUITAMENTE

PARCEIROS VER TODOS