Em prol da preservação e do bem-estar

Por: Thaís Iannarelli
01 Março 2009 - 00h00

Líder no mercado mundial de pneus, o Grupo Michelin, fundado em 1891, tem, atualmente, 17,1% de participação no setor. Seus pneus são utilizados em automóveis, caminhões, motos, bicicletas, tratores, veículos de terraplanagem, aviões e até ônibus espaciais da Nasa.

A empresa de grande porte, que tem 113 mil funcionários no mundo inteiro, não deixa de agir com responsabilidade social, especialmente no cuidado com os seus produtos. De acordo com a diretora de Relações Governamentais e Institucionais do grupo, Glauce Ferman, “a Michelin dá prioridade ao desenvolvimento de ações voltadas à diminuição do impacto ambiental das nossas fábricas, à valorização dos pneus usados, ao reconhecimento real da diversidade das pessoas, aos avanços em termos de qualidade de vida no trabalho, ao aumento da interação com as comunidades locais e à contribuição para a mobilidade rodoviária sustentável”.

Missão e valores

O engajamento social da empresa sempre esteve presente. De acordo com Glauce, “desde a inauguração da primeira fábrica no país, em 1979, a Michelin se preocupa com o bem-estar e o desenvolvimento da região no entorno das unidades industriais”. Porém, em 2003 foi lançada a Carta de Desempenho e Responsabilidade Michelin, que preconiza a aplicação prática de cinco valores defendidos pela empresa: respeito aos clientes; respeito às pessoas; respeito aos acionistas; respeito ao meio ambiente; e respeito aos fatos.

“A missão da Michelin é contribuir para uma mobilidade rodoviária sustentável, mais limpa, que respeite o meio ambiente, os recursos naturais e as pessoas, oferecendo mais segurança e conforto a todos e considerando os objetivos de desenvolvimento econômico”, diz Glauce.

Atualmente, nove temas são tratados pelo grupo como prioridade:

  • Desempenho responsável dos produtos e serviços;
  • O impacto ambiental do desgaste dos pneus;
  • Valorização e eliminação dos pneus usados;
  • Diversidade nas equipes;
  • Relações com a comunidade;
  • A gestão ambiental das unidades;
  • A gestão dos riscos da empresa;
  • Contribuição à mobilidade sustentável;
  • A qualidade de vida no trabalho.

Para medir o desempenho e os progressos realizados nos âmbitos social e ambiental, é realizado um acompanhamento que permite o estabelecimento de um balanço da prática dos valores da empresa. Esses indicadores são divulgados bianualmente no relatório Desempenho e Responsabilidade Michelin, que pode ser baixado no site.

Iniciativas

Os projetos realizados pela Michelin, que têm com meta melhorar a qualidade de vida e do meio ambiente, contemplaram 20 mil pessoas em 2008, segundo Glauce. Alguns deles são:

Ouro Verde Bahia

Essa iniciativa contribui com a conservação e a renovação da Mata Atlântica no sul do Estado baiano, onde estão localizadas as plantações da Michelin. Além do aspecto ambiental, o projeto tem caráter social e educativo, a partir do estímulo à preservação da fauna e da flora da região e da geração de trabalho com o programa de agricultura familiar que a empresa desenvolve. “Até 2008, mais de 1,5 mil famílias já foram beneficiadas e estima-se a criação de mais de 300 empregos diretos. O projeto pretende aumentar esses números até o ano de 2015, gerando 500 novos empregos e beneficiando cerca de 4 mil famílias com a agricultura familiar”, completa Glauce.

Recuperação social dos internos de Bangu I

A Michelin atua na cadeia de Bangu I, no Rio de Janeiro, conciliando a necessidade de buscar uma destinação adequada para os resíduos de madeira, chamados paletes, consequentes da produção, com uma atividade socioambiental. Assim, os paletes são entregues ao presídio e os internos os reutilizam para fazer produtos artesanais a serem vendidos em mercados populares.

Jardim Sensorial

Localizado no Jardim Botânico do Rio de Janeiro, o jardim sensorial é considerado um “laboratório de (re)descobrimento”, segundo Glauce. Ele promove aos visitantes, deficientes visuais ou não, uma integração com o meio ambiente a partir da valorização dos sentidos através de cheiros, formas e texturas. O objetivo desse projeto é desenvolver a inclusão de pessoas com deficiência visual de forma lúdica pela identificação do espaço. Com a educação e sensibilização ambiental, os deficientes visuais e as pessoas que enxergam têm a oportunidade de viver a mesma experiência.

Ação Educativa

Criado em 2006, o programa Ação Educativa é destinado às comunidades vizinhas às fábricas da Michelin no Rio de Janeiro, localizadas no bairro de Campo Grande e no município de Itatiaia. Seu objetivo é dar ferramentas por meio de formações a cidadãos da comunidade para aumentar suas chances no mercado de trabalho. Além do ensino médio, o programa contempla também cursos profissionalizantes de garçom e barman, baby-sitter, cabeleireiro, recepcionista, informática, inglês e francês, entre outros. Até hoje, o Ação Educativa da Michelin já beneficiou mais de mil pessoas.

Qualidade de Vida

Com o objetivo de manter o ambiente de trabalho mais agradável, promovendo campanhas e atividades de saúde e bem-estar, o programa Qualidade de Vida existe desde 1998 e proporciona benefícios interpessoais aos funcionários. Assim, durante o expediente há atividades de ginástica laboral, shiatsu, coral e palestras sobre assuntos ligados à qualidade de vida. O programa também propõe caminhadas ecológicas, plantio de árvores, campanhas de adoção, entre outros.

Na Pista do Melhor Caminho

O jogo Na Pista do Melhor Caminho é uma combinação de estratégia, mobilidade, sorte e conhecimento das leis de trânsito voltado para estudantes do ensino médio da cidade do Rio de Janeiro. O objetivo é reforçar os conhecimentos sobre as normas de trânsito, os riscos existentes e os dispositivos de segurança disponíveis para a circulação urbana. Orientado tecnicamente pelo Detran-RJ, o jogo pode ser utilizado como atividade de apoio a diversos conteúdos transversais da educação formal e não-formal.

Pelo desenvolvimento social

O comprometimento com a responsabilidade social é presente na empresa, que está sempre pronta a realizar esforços para melhorar o desempenho nas ações socioambientais.

Para o futuro, a Michelin procura continuar focando na contribuição para programas em prol da diminuição do impacto ambiental de suas fábricas, valorizando os pneus usados, o reconhecimento real da diversidade das pessoas, os avanços em termos de qualidade de vida no trabalho e o aumento da interação com as comunidades locais. Segundo Glauce, “nossa intenção é manter vigorosa a dinâmica de progresso, buscando melhores resultados, para que se possa assumir ainda mais a responsabilidade”.

Link
www.michelin.com.br/responsabilidadesocial

Tudo o que você precisa saber sobre Terceiro setor a UM CLIQUE de distância!

Imagine como seria maravilhoso acessar uma infinidade de informações e capacitações - SUPER ATUALIZADAS - com TUDO - eu disse TUDO! - o que você precisa saber para melhorar a gestão da sua ONG?

Imaginou? Então... esse cenário já é realidade na Rede Filantropia. Aqui você encontra materiais sobre:

Contabilidade

(certificações, prestação de contas, atendimento às normas contábeis, dentre outros)

Legislação

(remuneração de dirigentes, imunidade tributária, revisão estatutária, dentre outros)

Captação de Recursos

(principais fontes, ferramentas possíveis, geração de renda própria, dentre outros)

Voluntariado

(Gestão de voluntários, programas de voluntariado empresarial, dentre outros)

Tecnologia

(Softwares de gestão, CRM, armazenamento em nuvem, captação de recursos via internet, redes sociais, dentre outros)

RH

(Legislação trabalhista, formas de contratação em ONGs etc.)

E muito mais! Pois é... a Rede Filantropia tem tudo isso pra você, no plano de adesão PRATA!

E COMO FUNCIONA?

Isso tudo fica disponível pra você nos seguintes formatos:

  • Mais de 100 horas de videoaulas exclusivas gratuitas (faça seu login e acesse quando quiser)
  • Todo o conteúdo da Revista Filantropia enviado no formato digital, e com acesso completo no site da Rede Filantropia
  • Conteúdo on-line sem limites de acesso no www.filantropia.ong
  • Acesso a ambiente exclusivo para download de e-books e outros materiais
  • Participação mensal e gratuita nos eventos Filantropia Responde, sessões virtuais de perguntas e respostas sobre temas de gestão
  • Listagem de editais atualizada diariamente
  • Descontos especiais no FIFE (Fórum Interamericano de Filantropia Estratégica) e em eventos parceiros (Festival ABCR e Congresso Brasileiro do Terceiro Setor)

Saiba mais e faça parte da principal rede do Terceiro Setor do Brasil:

Acesse: filantropia.ong/beneficios

PARCEIROS VER TODOS