Verbas rescisórias

Por: Instituto Filantropia
09 Agosto 2013 - 23h55

O não pagamento das verbas rescisórias e entrega das guias correspondentes pode gerar, para a empregadora, o dever de indenizar o empregado por danos morais, tendo em vista o caráter alimentar desse crédito. Este foi o entendimento do juiz André Luiz Gonçalves Coimbra, da Vara do Trabalho de Teófilo Otoni, cuja sentença foi mantida pelo TRT de Minas. No caso analisado, o empregado alegou que, como não recebeu as verbas rescisórias e nem as guias para levantamento do FGTS, viu-se em condições incertas, sem poder cumprir os compromissos financeiros assumidos, o que lhe causou sofrimento moral. O magistrado ponderou que a ausência de parâmetros objetivos em nossa legislação para mensurar a indenização por dano moral não impede sua avaliação. Assim, e com fundamento no princípio da razoabilidade, visando impedir reiteração de condutas semelhantes, fixou a indenização em cinco salários mínimos.
www.trt3.jus.br

EDITAIS FILANTROPIA PLATAFORMA ÊXITOS
20.245
Oportunidades Cadastradas
9.597
Modelos de Documentos
3.592
Concedentes que Repassam Recursos
Prazo
31 Dez
2020
Patrocínios e Doações - Instituto Usiminas
Prazo
Matchfunding Enfrente o Corona
Prazo
31 Dez
2020
IberCultura Viva 2020
Prazo
30 Nov
2020
Stop Slavery Award 2021
Prazo
Patrocínio BS2
Prazo
Paranapanema - Doações e Patrocínios
Prazo
Aceleradora P&G Social
Prazo
20 Set
2020
Edital de Patrocínio - Banco da Amazônia
Prazo
2 Out
2020
Arte em Toda Parte
Prazo
20 Set
2020
Prêmio 99 de Jornalismo

PARCEIROS VER TODOS